Mato Grosso do Sul, Segunda-feira 19 de novembro de 2018

Cene campeão do turno, Corumbaense rebaixado e um novo clássico

Fonte: Futebol na Canela

Fotos: Jed Vieira/Gazeta MS Fotos: Jed Vieira/Gazeta MS

Pois é amigos. Acabou o primeiro turno do Estadual 2013. Antes mesmo da bola rola, o Cene já era o melhor time do 1º turno. O Ivinhema segue como único invicto e o Corumbaense foi parar na zona de rebaixamento.

Antes de falarmos da rodada, tenho que lamentar a morte do torcedor boliviano no jogo entre San Jose x Corinthians pela Copa Libertadores.

Infelizmente, algumas pessoas sem se importar com a vida do garoto, generaliza os torcedores corinthianos como se bandidos e assassinos só existem em uma torcida.

Não se sabe o que aconteceu. No dia do jogo não se tinha informação nenhuma concreta. Não se sabe se foi acidental ou de propósito o sinalizador lançado que vitimou o garoto boliviano.

Independente de quem é o culpado, a Conmebol deveria punir, tanto o Corinthians, quanto o San Jose. O San Jose pelo fato de permitir entrada de sinalizadores em seu estádio. Na Bolívia, os sinalizadores são permitidos.

Mas voltando ao nosso futebol, a rodada foi aberta com um baita jogo em Chapadão do Sul. O Misto venceu por 4 a 3 a Serc e deixou o time de Anselmo Zuzart na zona do rebaixamento.

O Misto segue 100% desde a chegada de Yonai da Luz e assumiu a vice-liderança do grupo A. Em Corumbá, Cláudio Roberto reencontrou o Corumbaense após subir o time para a série A.

Mas, o Águia Negra foi visitante indigesto e venceu o Corumbaense por 3 a 1 e conseguiu sua segunda vitória seguida. O Corumbaense terminou o primeiro turno na zona de rebaixamento.

Em Aquidauana, o Aquidauanense venceu o Maracaju por 1 a 0 e chegou a cinco jogos sem perder, conseguiu sua segunda vitória seguida e terminou o primeiro turno no G-4. No Virotão o Naviraiense conseguiu a primeira vitória em casa ao vencer o Urso por 3 a 0, deixou a lanterna e entrou no G-4.

Em Ivinhema, o único invicto bateu o esfacelado Itaporã por 3 a 0. Em Itaporã a crise financeira toma conta. Salários atrasados desde dezembro fizeram os jogadores cruzarem os braços. O time não treinou e viajou horas antes do jogo para Ivinhema.

Já em Campo Grande, um jogo eletrizante. Faltou qualidade técnica mas não emoção. O Primeiro novocomerário levou ao Morenão, um público aceitável. Pouco mais de mil torcedores acompanharam o empate por 1 a 1 entre Comercial e Novoperário.

A maioria era do Novoperário porque a torcida do Comercial não vai mesmo. Antes, a maior torcida do estado era do Operário que hoje mora no céu.

Agora, a torcida do Novoperário é a maior de Campo Grande. Onde está a torcida do Comercial? Em casa dormindo ou assistindo outro jogo?

A torcida do Comercial já é omissa quando o time está ganhando, imagine na fase que o time está. Mas em campo, o Comercial "ralou a bunda no chão" e foi superior e mais objetivo que o Novoperário. Poderia ter vencido, mas os Jéfersons, Tanque e Chumbinho, perderam gols inacreditáveis.

Mais uma grande rodada de emoção e de futebol aceitável. O Comercial deu sinais que pode fugir do rebaixamento e o Novoperário mostrou que precisa colocar as barbas de molho. O Misto está em um grande momento e o campeão parece que voltou ao normal.

Final de semana tem a primeira rodada do returno e a partir de agora é contagem regressiva, tanto para classificação, quanto para o rebaixamento. A partir de agora, cada minuto será decisivo para que cada clube atinja seu objetivo.

Dúvida Pertinente: Quem tem maior torcida, Comercial ou Ms Saad?


comments powered by Disqus