Mato Grosso do Sul, Domingo 27 de maio de 2018
 
 
  • Ficha técnica
  • História
  • Títulos

Nome: Corumbaense Futebol Clube
Alcunhas: Carijó da Avenida
Fundação: 1 de janeiro de 1914
Estádio: Arthur Marinho
Capacidade: 15.000
Localização: Corumbá, MS
Presidente: Bosco Delgado
Treinador: João Batista
Patrocinador: Blitzem Segurança
Material esportivo: Jarks
Competição: Campeonato Sul-Mato-Grossense

Fonte: Wikipédia

Foi fundado em 1 de janeiro de 1914 sendo, por muitos anos, a base da seleção amadora de Mato Grosso.

Antes do profissionalismo, que surgiu em 1972 em Campo Grande, Corumbaense, Marítimos e Riachuelo se consagraram nos campeonatos amadores do Mato Grosso. Após a divisão, em 1984, foi campeão pelo estado de Mato Grosso do Sul. No ano seguinte participou da primeira divisão do Campeonato Brasileiro e é rebaixado, ficando em 41º lugar na tabela. Participou ainda da Taça de Bronze de 1981 e do Módulo Azul da segunda divisão do Campeonato Brasileiro de 1987, ficando inativo entre 1997 e 2005.

Em 2005, o clube voltou ao futebol profissional, disputando a Série B do campeonato estadual, depois da desistência do Clube Atlético Kapital. Em 2006, o time foi campeão da Série B sul-mato-grossense e subiu para a primeira divisão do estadual, onde permaneceu até 2011. Neste ano, ficou em penúltimo lugar em seu grupo e acabou rebaixado para a segunda divisão de 2012. Nesse mesmo ano, em 15 de setembro, o Corumbaense jogou contra o Coxim Atlético Clube, onde o Carijó da Avenida dominou a partida e acabou vencendo o jogo com uma goleada histórica de 23 a 1 no estádio Estádio Arthur Marinho, com grande atuação do atacante Amarildo, sendo esta a segunda maior goleada da história do Brasil em torneios oficiais, só perdendo para Botafogo 24 a 0 Mangueira, pelo Campeonato Carioca de 1909. Em 2013 o clube retorna a Série A do estadual.

Publicações sobre o clube

Corumbaense e Novo precisam de vitórias para classificação na Série D

Com campanhas semelhantes, times do MS precisam de seis pontos na reta final de primeira fase

Corumbaense empata com Brasiliense e segue fora do G2

Briga por vaga continua e Carijó precisa vencer os dois jogos que restam para ter uma vaga na próxima fase

Corumbaense inicia série de "decisões" no Brasileiro

Carijó busca vitórias nos jogos do returno para terminar primeira fase entre os classificados

Corumbaense é goleado no DF e vira turno longe da classificação

Carijó buscava pelo menos um ponto no Mané Garrincha, mas não teve mesmo desempenho do jogo passado

Corumbaense enfrenta Brasiliense por lugar na zona de classificação

Times estão juntos na classificação e o vencedor vira turno entre os classificados

1 2 3 4 5 6 7 8 9 - 13