Mato Grosso do Sul, Sábado 19 de janeiro de 2019
 
 

CBF divulga quando Corumbaense e Operário jogam na Copa do Brasil

Tabela detalhada define primeira fase com partidas entre os dias 5 e 14 de fevereiro

Gazeta MS Por Rogério Vidmantas - 12/01/2019 08h00

Ano passado, Corumbaense chegou à segunda fase, enfrentando o Vitória-BA em Salvador (Foto: Tiago Caldas/EC Vitória) Ano passado, Corumbaense chegou à segunda fase, enfrentando o Vitória-BA em Salvador (Foto: Tiago Caldas/EC Vitória)

Operário FC e Corumbaense já sabem quando jogam pela Copa do Brasil. A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou nesta sexta-feira (11) a tabela detalhada da primeira fase da competição, que começa com oitenta times, além dos 11 já pré-classificados para a fase de oitavas de final. As partidas acontecem entre os dias 5 (terça-feira) e 14 (quinta-feira) de fevereiro. Ao todo, serão 40 jogos nesta etapa da competição, conforme prevê o regulamento, com definição dos classificados em partida única.

Vice-campeão estadual em 2018, o Corumbaense será o primeiro sul-mato-grossense a entrar em campo. No dia 6 de fevereiro, às 20h30, no Estádio Arthur Marinho, o Carijó recebe o Luverdense-MT com a obrigação de vitória para se classificar, já que o empate favorece o adversário, melhor colocado no Ranking Nacional de Clubes.

Se repetir o feito do ano passado, quando eliminou o ASA-AL vencendo por 1 a 0, o Corumbaense enfrenta o classificado entre Boavista-RJ e Figueirense-SC e o time da Cidade Branca será o mandante do confronto na segunda fase.

Galo

O Operário retorna à competições nacionais após 11 anos no dia 13 de fevereiro, às 20h30, contra o Botafogo-PB. Na tabela, o local ainda está à definir, mas deve acontecer no Estádio Morenão, em Campo Grande. A CBF aguarda apenas a entrega oficial da autorização do Ministério Público Estadual (MPE-MS), que já recebeu os laudos solicitados, para confirmar o local.

Sem posição no RNC, por não ter disputado campeonatos nacionais nos últimos cinco anos, o Galo também é obrigado à vencer para avançar. Se conseguir, enfrenta o vencedor do confronto entre Tombense-MG e Sport-PE, e um desses será o mandante do jogo.

Grana

A Copa do Brasil segue como a competição mais rentável do calendário brasileiro. Em 2018, o campeão Cruzeiro faturou aproximadamente R$ 74 milhões, entre premiação e cotas de participação por fase. Operário e Corumbaense recebem nesta primeira fase R$ 500 mil e, avançando, mais R$ 600 mil. Se um deles atingir a terceira fase, a cota será de incríveis R$ 1,4 milhão.

 

Envie seu Comentário