Mato Grosso do Sul, Quinta-feira 23 de novembro de 2017

Medeiros se reúne com Délia nesta segunda e acredita na liberação do Douradão

Corpo de Bombeiros fez vistoria no estádio na última semana, mas ainda não emitiu o laudo

Gazeta MS Por Rogério Vidmantas - 16/10/2017 09h57

Meias Uélison Santana e Leandro Branco na preparação do OAC em Ouroeste (Foto: Divulgação/OAC) Meias Uélison Santana e Leandro Branco na preparação do OAC em Ouroeste (Foto: Divulgação/OAC)

O Operário AC segue a sua preparação visando a Série B do Campeonato Estadual, marcada para começar no dia 28 de outubro. O elenco estva na cidade paulista de Ouroeste, onde seguia rotina de treinos para a competição, e retornaram à Dourados neste fim de semana. Fora de campo, a diretoria aguarda a liberação do Estádio Douradão, local indicado para os jogos como mandante. De acordo com o presidente, Daniel Medeiros, a situação deve ser regularizada nesta semana.

Segundo a Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul (FFMS), a administração do Douradão precisa enviar o laudo do Corpo de Bombeiro, vencido no último dia 11. A visita já foi feita no último dia 10, como mostra o Certificado de Vistoria (abaixo), divulgado pelo clube em redes sociais e que deve ser encaminhado à entidade no início da semana. O laudo, porém, ainda não foi emitido. "O laudo é documento com perguntas e respostas preenchido pelo Corpo de Bombeiros e apenas ele podemos encaminhar para o Promotor", explica Marcos Tavares, coordenador de competições da Federação.

A eminente liberação do estádio tranquiliza Medeiros, que teve uma reunião agendada com a prefeita Délia Razuk remarcada para esta segunda-feira (16). "A assessoria dela pediu para que esse encontro fosse na segunda. Ela já havia garantido que o Douradão estaria à disposição do OAC e confiamos nisso", disse o dirigente.

Série B

A segunda divisão do Campeonato Estadual será disputada esse ano por apenas três clubes, confirmando a tendência de queda no número de participantes ano a ao. Em 2016, por exemplo, foram quatro clubes em busca das vagas na Série A.

Além do Operário, Cena, de Nova Andradina, e Misto, de Três Lagoas, estão na disputa para ocupar os lugares dos rebaixados Ivinhema e Serc.

Assim como o time douradense, os adversários também enfrentam problemas com adversários. Os estádios Andradão e Madrugadão seguem irregulares. "Sempre que cobro os dirigentes eles dizem que está tudo pronto, que os documentos estão sendo entregues. Pronto lá, mas não chegam na Federação para serem encaminhados para o Promotor", afirmou Tavares.

Certificado de vistoria do Estádio Douradão emitido pelo Corpo de Bombeiros (Foto: Divulgação/OAC) Certificado de vistoria do Estádio Douradão emitido pelo Corpo de Bombeiros (Foto: Divulgação/OAC)

Envie seu Comentário