Águia Negra peca nas finalizações e empata com Aquidauanense

| REDAçãO


Águia ainda não venceu no Estadual. Foto: Franz Mendes

O ano de 2021 continua amoado para o campeão estadual futebol Séria A. Neste sábado, jogado em seus domínios, o Águia Negra ficou no empate pela contagem mínima com o Aquidauanense. Foi o segundo resultado igual consecutivo pelo mesmo placar no Ninho da Águia. A equipe dirigida pelo professor Rodrigo Cascca novamente falhou principalmente na última bola, ou seja, no momento de concretizar jogadas criadas pelo meio e pela 'beiradas' do campo.

O retrospecto nesse inicio de campeonato não é bom. Dos seis pontos, o Águia conseguiu somente dois, na tábua de classificação, tentos que podem fazer falta na reta final do torneio, levando-se em conta o mau aproveitamento nos jogos em casa.
No início do duelo, deu a impressão de que o time mandante iria reeditar os bons momentos de outrora atuando em casa. Mas ficou só na impressão e não foi o que se viu. Tanto que aos 9h30 o Aquidauanense abriu placar com o meia Juninho que, aproveitando cochilo do lado direito da defesa, apareceu livre na frente do goleiro Tafine para abrir o marcador.
O Águia sentiu o golpe inicial mas logo equilibrou as ações e partiu para cima do adversário. Passado essa fase o time retornou para o segundo tempo com duas mudanças processadas pelo técnico. O zagueiro Gabriel Estigarribia que fez sua estreia e o meia atacante Xavier, respectivamente cederam lugar para Robinho e Fagner. O panorama continuou como no início, com mais posse de bola rubro-negra, porém sem efetividade nas finalizações. Esse ritmo de jogo se arrastou durante maior parte do segundo tempo, até que aos 34 minutos, o meia Jorginho lançou Mario Lúcio entre os zagueiros aquidauanenses. Dentro da área, livre, com o goleiro Zé Augusto, o atacante bateu firme lado direito do gol dando números finais ao confronto.
Copa do Brasil
O ´Águia Negra retorna à campo nesta terça, dia 9 de março, jogo de ida pela Copa do Brasil contra Vitória da Bahia. O Águia vive escassez de gol, realidade que todos esperam que mude realidade diante de um dos gigantes nordestinos. A partida será às 19h00 (MS) e a vitória é o único resultado que coloca do representante rio-brilhantense na segunda fase do torneio nacional.

Parada indigesta, mas não impossível, desde que o time mude a atitude e encontre o caminho das redes adversárias. A conclusão é clara e lógica – o time precisa reagir urgentemente.
Já pelo estadual o Águia retorna à campo dia 17, atuando em Campo Grande, contra o Operário Futebol Clube.

Segue

Neste domingo a segunda rodada da primeira fase será fechada com: Serc/Chapadão x Comercial e ABC/União versus Costa Rica. Os jogos são do Grupo B, às 15h.

 



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE