“Laço Comprido está enraizado na cultura sul-mato-grossense”, afirma Reinaldo Azambuja

| GOVMS / BRUNO CHAVES


Mais de R$ 1,2 milhão do orçamento do Governo do Estado foram repassados para a Federação de Clubes do Laço Comprido de Mato Grosso do Sul, nesta quarta-feira (15), para realização de encontros esportivos de 33 clubes federados em 27 municípios do Estado no ano vem.

Em cerimônia realizada na Governadoria, o governador Reinaldo Azambuja assinou o termo de fomento que libera os recursos e falou da importância da atividade no Estado. 'É um esporte tradicional que está enraizado na cultura sul-mato-grossense, com reconhecimento nacional', afirmou.

O dinheiro será utilizado na organização das atividades da Federação em 2022, fomentando, ainda, a participação de sete mil laçadores em competições locais e nacional, em um esporte que movimenta a economia e gera entretenimento, trabalho e renda.

O secretário Eduardo Riedel, da Seinfra (Secretaria de Infraestrutura), ressaltou que a gestão Reinaldo Azambuja é parceira do Laço Comprido desde 2015. 'Ao longo desse tempo, o Laço vem se consolidando. E com mais essa parceria vamos estruturar o conceito de que esse esporte é base da nossa cultura, da nossa tradição', disse.

Diretor-presidente da Fundesporte (Fundação de Desporto e Lazer), Marcelo Miranda lembrou que o Laço Comprido integra o “pacotão' de R$ 120 milhões do 'MS +Esporte'. “Atende o esporte sul-mato-grossense em todas as dimensões e modalidades. E o Laço não poderia ficar de fora. É um esporte que tem a cara de Mato Grosso do Sul', destacou.

Também participaram da cerimônia que marcou o repasse do recurso para a Federação dos Clubes de Laço Comprido os secretários Eduardo Rocha (Governo e Gestão Estratégica) e Sérgio de Paula (Casa Civil); o diretor-presidente da Fundtur (Fundação de Turismo), Bruno Wendling; e os deputados estaduais Paulo Corrêa (presidente da Assembleia), Mara Caseiro, Herculano Borges, Zé Teixeira, Paulo Duarte, Renato Câmara e Lidio Lopes.

Mais investimentos

O Governo do Estado é parceiro da Federação e já investiu R$ 480 mil na construção do vestiário, galpões e barracões do Parque do Laçador. E o governador Reinaldo Azambuja já confirmou que fará a obra de cobertura da pista do mesmo parque, em mais ação de estímulo ao esporte. A Federação deve enviar o projeto para o Estado antes do convênio.

'Eu quero fazer essa cobertura da pista. Estou esperando o projeto para fazer o convênio e transferir os recursos para vocês executarem a obra', ressaltou o governante.

Bruno Chaves, Subcom Fotos: Chico Ribeiro



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE