ONU e Catar cancelam primeira grande conferência internacional de 2022

Evento, marcado para 23 a 27 de janeiro, foi adiado por causa da nova variante da Covid-19, Ômicron; o país árabe e anfitrião da Quinta Conferência sobre Países Menos Desenvolvidos consultou órgãos da ONU para decidir sobre cancelamento.

| ONU NEWS


Nova data para a Quinta Conferência em Doha deverá ser anunciada pela Assembleia Geral no próximo mês - Foto: Unsplash/Oleg Illarionov

A primeira grande conferência internacional das Nações Unidas para 2022 foi adiada após o aumento do número de infecções do novo coronavírus pela nova variante Ômicron.

Em comunicado, o país anfitrião do evento, Catar, e a ONU decidiram adiar a Quinta Conferência sobre os Países Menos Desenvolvidos, LDC na sigla em inglês, para reduzir qualquer risco com a pandemia. O evento ocorreria de 23 a 27 de janeiro em Doha, capital do Catar.

Setor privado
Em comunicado, a nação-anfitriã e a ONU afirmaram que o adiamento tem como objetivo assegurar uma reunião presencial com o maior número de participantes. A meta da Quinta Conferência sobre os Países Menos Desenvolvidos é ampliar ações globais para combater os maiores problemas sistêmicos do mundo.

Milhares de representantes de países-membros da ONU, da sociedade civil, do setor privado e instituições acadêmicas eram aguardados para a reunião internacional no Catar. As inscrições haviam sido abertas em novembro.

Várias mesas redondas com temas centrados em tecnologia, juventude, investimentos em bem-estar social, comércio, integração, mudança climática e pandemia estavam preparadas. 

Países de língua portuguesa
As reflexões constariam da Declaração de Doha com um plano de ação. Atualmente, 46 nações fazem parte da lista de Países Menos Desenvolvidos incluindo cinco de língua portuguesa: Angola, Guiné-Bissau, Moçambique, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste.

Desde 1971, a ONU reconhece os Países Menos Desenvolvidos como o “segmento mais pobre e fraco” da comunidade internacional. 

Este grupo abriga 40% da população mais pobre do mundo. E muitos estão ou emergem de conflitos e guerras.

A nova data para a Quinta Conferência em Doha deverá ser anunciada pela Assembleia Geral no próximo mês.
 

 



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE