A jogada de Rodrygo foi o destaque de uma rodada de reservas em La Liga

Com chance como titular do Real Madrid, Rodrygo fez a jogada do gol de Mariano no empate contra o Cádiz; Atlético de Madrid e Barcelona também empataram seus jogos

| TRIVELA


Rodrygo é abraçado por companheiros de Real Madrid (JORGE GUERRERO/AFP via Getty Images)

A rodada de La Liga foi recheada de reservas para os times da ponta de cima da tabela e com jogos sem muita graça. O Barcelona empatou fora de casa com o Getafe em 0 a 0, o Atlético de Madrid ficou no 1 a 1 com o Sevilla em casa e o Real Madrid empatou fora de casa contra o Cádiz por 1 a 1. O destaque acabou sendo a jogada do gol do Real Madrid, feita por Rodrygo, abusando da sua velocidade.

Com o título garantido e poupando o time pensando na final da Champions League no dia 28, Carlo Ancelotti tratou de levar a campo uma equipe cheia de reservas. Casemiro, Toni Kroos e Éder Militão foram os únicos titulares da equipe, junto com Federico Valverde, que nem sempre é titular, mas joga com frequência. Rodrygo, que é um reserva muito utilizado, teve chance como titular do time.

Foi dele a jogada logo no começo do jogo, aos quatro minutos, que gerou o gol. O brasileiro arrancou pelo lado esquerdo e foi enfileirando jogadores até chegar à linha de fundo, já dentro da área, e cruzar rasteiro para Mariano Díaz marcar 1 a 0. O empate viria com Rúben Sobrino, aos 37 minutos.

O jogo marcou ainda a volta de Eden Hazard, que se recuperou de lesão a voltou a campo depois de ficar desde fevereiro sem jogar. Ele substituiu justamente Rodrygo, aos 19 minutos do segundo tempo.

O Cádiz continua ameaçado seriamente de rebaixamento. O time tem 36 pontos, em 18º lugar, mesma pontuação do Mallorca, 17º colocado e primeiro time fora da zona do rebaixamento. Na última rodada, o Cádiz enfrenta o Deportivo Alavés, já rebaixado, enquanto o Mallorca terá o Osasuna pela frente. Como o Mallorca tem vantagem no primeiro critério de desempate, confronto direto, o Cádiz precisa de um resultado melhor do que o do rival para ficar na primeira divisão.

Enquanto o Barcelona ficou em um sonolento empate com o Getafe por 0 a 0, em partida que ninguém conseguiu aproveitar bem a chance, o Atlético de Madrid viveu o seu último jogo em casa. Significou também a despedida de Luis Suárez, que tem contrato só até junho e deixará o clube, depois de duas temporadas defendendo os Colchoneros.

José Maria Giménez, pelo Atlético, e Youssef En-Nesyri, pelo Sevilla, marcaram os gols da partida que acabou em 1 a 1. Era uma chance do Sevilla passar o Atlético de Madrid, já que as equipes estão separadas por um ponto, em terceiro e quarto. Os dois estão garantidos na Champions League.

A Real Sociedad conseguiu uma vitória importante contra o Villarreal, fora de casa. Francis Coquelin fez o gol do Villarreal, mas Alexander Isak e Martín Zubimendi fizeram os gols da virada. A Real Sociedad tem 62 pontos e é sexta, enquanto o Villarreal é sétimo com 56. A sétima posição vai à Conference League e o Athletic Bilbao, com 55 pontos, ainda pode ficar nessa posição.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE