Mato Grosso do Sul, Quinta-feira 25 de abril de 2019

Após se destacar na Copa SP, douradense é contratado pelo Fortaleza

Reginaldo Junior chamou atenção com boas atuações na principal competição de base deste ano

Gazeta MS Por Renato Giansante - 22/03/2019 14h06

O meia douradense Reginaldo Correa da Rosa Junior, de 19 anos, é novo reforço do time sub-20 do Fortaleza. O jovem teve atuação de destaque na Copa São Paulo de Juniores deste ano quando marcou dois gols e uma assistência atuando pelo Trindade-GO, time que terminou a primeira fase na liderança do grupo que tinha o Flamengo também como integrante.

A contratação do time cearense foi confirmada na quarta-feira (20) e a jovem promessa já se sente em casa em busca de um espaço na equipe.

"Desde de que eu cheguei aqui no Fortaleza eu fui muito bem recebido por todos, da direção aos meus companheiros, eles me fizeram sentir à vontade para trabalhar e, consequentemente, mostrar todo meu futebol. O ambiente aqui, sem dúvida, está fazendo minha adaptação ser mais rápida e acredito que logo estarei 100% entrosado para poder ajudar o Fortaleza da melhor maneira possível", disse o jogador que sonha em breve estar também na equipe profissional.

Reginaldo considera a participação na Copa São Paulo fundamental para o contrato com o Fortaleza. O seu time terminou com 100% de aproveitamento na primeira fase e ele ganhou o Prêmio Dener por ter feito o gol mais bonito da primeira rodada da competição contra o Jaguariúna.

"A Copa São Paulo é a maior competição de base do futebol brasileiro, então eu foquei e trabalhei forte para conseguir mostrar todo meu potencial, ajudando meus companheiros a fazer uma campanha que pudesse ser lembrada. E eu consegui, posso dizer que a Copinha foi o grande momento da minha carreira, até aqui. Era a chance que eu tinha de pôr à prova tudo aquilo que eu vinha fazendo nos treinamentos, porque eu sabia que poderia ser um divisor de águas para meu futuro. Felizmente, consegui jogar bem, ajudar meus companheiros e fazer gols bonitos e importantes para a equipe, e, agora, veio a recompensa. Estou podendo vestir uma importante e tradicional camisa do futebol brasileiro, e eu estou muito empolgado com isso", comentou Reginaldo que também pelas categorias de base da Penapolense-SP, Rancharia-SP e Marília-SP.

Mesmo longe de sua terra natal e seus familiares, o jovem não esconde o carinho recebido por todos, principalmente pelos seus pais e também a escola de futebol que deu os primeiros passos.

"Gostaria de deixar registrada a minha gratidão por todos os anos e todos os aprendizados que tive no Progol. Se hoje eu estou aqui, é porque eu tive a ajuda e a orientação de grandes profissionais. Posso dizer que lá era como a minha família, então, eu agradeço por toda minha formação como atleta e, mais que isso, minha formação como pessoa", completou o douradense.

 


Envie seu Comentário