Mato Grosso do Sul, Quinta-feira 21 de março de 2019

Nova Andradina recebe equipes de várias partes do Brasil e da América do Sul para a disputa da Copinha

Após cerimônia, Gilberto Garcia dá pontapé inicial na partida de abertura do maior campeonato de futebol de base de Mato Grosso do Sul

Portal Nova News - Cogecom - 11/01/2019 23h49


Imagem: Jeferson de Souza Imagem: Jeferson de Souza

A 2ª Copa Internacional de Futebol de Base Ercílio Carreira Mendes começou oficialmente na noite desta terça-feira (8) com a cerimônia de abertura realizada no Estádio Municipal Luiz Soares Andrade, o Andradão, que recebeu um excelente público, além de personalidades políticas, atletas, equipes de arbitragem e representantes das equipes, além de um grande número de torcedores e admiradores da modalidade esportiva mais praticada no país, o futebol.

As delegações das cidades deram um show de alegria e vibração. Nos olhos de cada atleta, a esperança e a expectativa de brilhar nos gramados e ser reconhecido pelos "olheiros" das grandes equipes que estão na Cidade Sorriso em busca de novos talentos.

Há 9 anos treinando na escolinha Chute Inicial do Corinthians de São Paulo, jovem Lucas Marinho, de 14 anos, é um dos garotos que sonham se tornar um jogador profissional. Ele conta que joga como zagueiro e lateral esquerdo e acredita que participar da Copinha é uma oportunidade para adquirir experiência.

"Já estivemos em outras 6 competições em vários estados. Nosso objetivo é ser campeão. A equipe é composta por 38 atletas das categorias 2003 e 2004. A gente vem forte para conquistar mais um título", disse, sendo aplaudido pelos companheiros do time.

Já o lateral Antony Manoel (11) treina apenas há 3 meses na Escolinha Furacão, do Atlético Paranaense, de Rondonópolis (MT), mas nem por isso deixa de apostar alto: "A gente de reforçou e treinou muito. Um sonho em ganhar o troféu de campeão e conseguir treinar num grande time. Com fé em Deus, eu acredito que vai dar tudo certo", comentou, sendo acompanhado de perto pelo técnico da equipe Giovani de Souza, que elogiou a organização do evento.

"Vamos disputar 3 categorias. Hoje entramos em campo e estreamos com vitória. É a segunda vez que participamos. O trabalho da coordenação está muito legal, a alimentação é muito boa. Estamos gostando muito da recepção e da cidade. Vamos jogo a jogo e, se Deus quiser, coroar um trabalho de 3 anos que estamos fazendo na escolinha, revelando atletas e obtendo um grande sucesso", avaliou o treinador.

Gilberto Garcia deu o pontapé inicial na partida de abertura da Copinha entre a Grêmio Camisa 10 de Nova Andradina e Futebol Clube do Porto, de Porto Murtinho (MS) e mostrou toda sua satisfação em receber tantos visitantes vindos de várias partes do Brasil e da América do Sul.

"Nova Andradina é uma cidade acolhedora e recebe de braços abertos a todas as delegações. O que queremos é uma competição sadia entre as equipes, que prevaleça a paz e o respeito nos gramados e que os atletas tenham a oportunidade de mostrar seu talento. Dentro de alguns anos, tenho certeza, que vamos encontrar nos grandes times atletas que passaram por aqui", frisou o prefeito ao declarar aberta a 2ª edição da Copa.

A competição é disputada por atletas nascidos nos anos de 2001 a 2008, que sonham com um futuro no futebol profissional de grandes equipes nacionais e internacionais. O campeonato, organizado pela Dom Bosco Promotion e Prefeitura de Nova Andradina, tendo a participação de 78 equipes e cerca de 1.300 atletas de 5 estados brasileiros (MS, PR, SP, SC e MT), e países vizinhos como Chile e Paraguai.

Além de Gilberto Garcia, estiveram presentes Jorge Takahashi, prefeito de Batayporã, o diretor presidente da Dom Bosco, Hussein Zaim, presidente da Câmara Municipal, Vailton Sordi (Amarelinho), vereadores Airton Castro, Ricardo Lima, Joana Darc Bono Garcia, Robertinho Pereira, Wilson Almeida, secretários municipais e familiares de Ercílio Mendes, que dá nome a este evento.

 


Envie seu Comentário